VEREADOR BELARMINO FALA SOBRE EXPECTATIVAS PARA 2020

por Pedro Tinoco publicado 04/02/2020 22h10, última modificação 04/02/2020 22h11
Reconduzido à Câmara de Vereadores de Jaboatão dos Guararapes no último dia 07 de janeiro, após enfrentar três anos de batalhas judiciais a fim de retomar o mandato, o vereador Belarmino Souza ocupou a tribuna da Casa Vidal de Negreiros, hoje (04), para explicar o que se passou e falar sobre suas expectativas para o último ano de seu mandato.

Em rápidas palavras o parlamentar disse que o seu afastamento se deu meramente por uma questão de "interpretação equivocada" da legislação, que o enquadrou indevidamente na chamada Lei da Ficha Limpa. "Eu tinha certeza que quando o caso fosse a julgamento eu seria absolvido. E foi o que aconteceu. Minha única vontade era que o caso fosse julgado", comentou.

Em seu quarto mandato como vereador de Jaboatão, Belarmino disse que espera poder emprestar um pouco da sua experiência para harmonizar a Câmara e ajudar a Casa a produzir as pautas que a sociedade anseia.

"Tenho acompanhado os trabalhos da Câmara e vejo com naturalidade os debates, as polêmicas, as discussões acaloradas. Aqui é o local para que isto realmente aconteça. Sem este movimento, o Legislativo deixa de ter uma razão para existir", analisou.

O parlamentar ressaltou, entretanto, que as discussões não devem extrapolar o limite do respeito mútuo. "A população está muito bem informada e hoje sabe avaliar a conduta dos vereadores. E se tem uma coisa que ela está analisando agora é a postura de cada um aqui", alertou.

Belarmino foi aparteado pelos colegas Marlus Costa, Vilmar da Mudança e pelo presidente da Casa, vereador Adeíldo da Igreja, que desejaram boas vindas e sucesso no exercício do mandato. "Belarmino vai somar muito e vamos fazer um trabalho importante para a nossa população", afirmou Adeíldo.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis. Os comentários são moderados